gtag('config', 'AW-11343807998'); BODY
top of page

O imóvel do meu contrato vai a leilão e agora?

Bom, primeiro você precisa saber do locador o porque o imóvel está indo a leilão e se ele está agindo judicialmente para anular esse leilão. Isso pode acontecer e é muito comum que os leilões sejam anulados por bons advogados imobiliaristas que conhecem as regras e que sabem que a ausência de cumprimento delas gera a anulação total do leilão (não da dívida, mas a pessoa do locador ganha tempo, até pra fazer um acordo e manter a propriedade).

Caso ele não esteja agindo e a locação é residencial, é preciso analisar para saber se vale a pena discutir a penhora desse imóvel e alegar diversas proteções do direito imobiliário e civil e uma delas é o bem de família. Muita gente não sabe, mas o bem de família não é somente aquele em que a pessoa mora, mas também aquele que serve de sustento para uma família. E esse pode ser o caso do imóvel, nesse caso, compartilha com o seu locador, ele vai ficar feliz em saber que nem tudo está perdido.

Caso o imóvel seja comercial (não residencial) e o leilão estiver totalmente correto, o prazo de desocupação é de no máximo 60 dias corridos. Contudo é possível negociar com o novo prazo com o novo proprietário (o arrematante) a saída do imóvel, com o pagamento de locação até o momento do prazo de saída que pode também ser ampliado.

Agora, a questão maior é : Porque você contratou uma locação com um imóvel comercial (não residencial) e não exigiu que houvesse nele uma clausula de vigência e que o contrato de locação fosse registrado na matrícula do imóvel? Clausula de Vigência. A Clausula de vigência se encontra no artigo 8º da lei do inquilinato e serve de garantia ao inquilino de imóvel não comercial. É necessário que ela seja clara e extensa, e que o contrato de locação esteja registrado na matrícula do imóvel. Esse contrato deve ser registrado em até 30 dias do início da locação. Ultrapassei esse prazo, o que fazer ? Primeiro, para não gastar dinheiro à toa, verifique se o locador tem processo de execução contra ele em andamento. Caso não tenha, registre imediatamente. A maioria dos cartórios não se negará a registrar um contrato desde que ele esteja com o seu prazo em andamento (contrato com prazo determinado).


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page